Argentina revisa a sua política cambial especial para a soja

O banco central da Argentina está ajustando sua política, com relatórios citando 200 pesos/dólar para a taxa especial de soja bloqueada, 144 pesos/dólar oficialmente e 285 pesos/dólar nas ruas
...
Luiz Carlos Pacheco

Publicado em 21/09/2022

soja, análise de mercado, luiz carlos pacheco, tf consultoria, preços soja, cotação soja

As políticas cambiais na Argentina estão sendo revisadas depois que a taxa fixa especial de soja inspirou fortes vendas de +9,6 MT em volume negociado. O excesso de dólares foi então usado para criar uma arbitragem e um mercado negro para a taxa de câmbio dólar/peso. O banco central da Argentina está ajustando sua política, com relatórios citando 200 pesos/dólar para a taxa especial de soja bloqueada, 144 pesos/dólar oficialmente e 285 pesos/dólar nas ruas. Durante as principais vendas de soja, a China registrou 3-3,75 MT de soja argentina.

RECORDE DE VENDAS

O boom nas vendas de soja acumulava até domingo, 18, cerca de 9.043.038 toneladas. Os dados foram fornecidos pela Bolsa de Cereais de Buenos Aires, que também detalhou que desse número, cerca de "6,2 milhões de toneladas correspondem a operações que foram organizadas após a medida e os 2,8 milhões restantes correspondem às operações que foram fixadas após o programa, mas eles foram arranjados antes do seu início”. O Programa, que está sendo revisado, deveria durar até ao dia 30 do corrente ano, período em que o sector privado prometeu liquidar os subprodutos da oleaginosa por um valor de pelo menos 5.000 milhões de dólares.



O QUE VOCÊ ACHOU DESSA NOTÍCIA? DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

PALAVRAS-CHAVE: notícias agrícolas, portal rural news, notícias do agronegócio, portal de notícias, notícias do agro, agro o tempo todo, ruralnews, ruralnewsbr, portal de notícias de cascavel, portal de notícias do paraná, notícias do paraná, agro do paraná, cotações agropecuárias, soja, análise de mercado, luiz carlos pacheco, tf consultoria, preços soja, cotação soja



Assine gratuitamente nossa NEWSLETTER
Receba diariamente um resumo de nossas principais notícias no seu email.
-->