Preço da arroba segue caindo e China suspende plantas no Brasil

Os valores cederam nesta terça-feira em pelo menos quatro praças, arrolando o forte descenso de preços da última semana
...
Fabiano Reis
Especial para Rural News

Publicado em 24/05/2022

Mercado do boi gordo segue apanhando e o começo desta última semana de maio tem sido marcado pela concretização de queda. Os valores cedem nesta terça-feira em, pelo menos, quatro praças, arrolando o forte descenso de preços da última semana, graças a uma oferta robusta de animais prontos e escalas industriais cada vez maiores.


Em São Paulo, o boi comum (não—China) perdeu o piso de R$ 300 por arroba à vista. Outros estados seguem a queda ou estão estáveis, mas sem registros relevantes de negócios. Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Paraná também registram recuos expressivas neste começo de semana.


Como havia falado em uma participação com o Jair, aqui no Portal na última sexta-feira, as quedas não devem cessar e ainda tem a colaboração chinesa.


A pressão chinesa não para!


O negócio ou argumento de Covid-19 Zero segue importunando os negócios no Brasil. Com isso, a China suspendeu mais quatro plantas frigoríficas. Duas em São Paulo JBS de Lins e Marfrig de Promissão. No Mato Grosso a unidade Marfrig de Varzea Grande e em Goiás o JBS de Senador Canedo.



O QUE VOCÊ ACHOU DESSA NOTÍCIA? DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO:

PALAVRAS-CHAVE:



Assine gratuitamente nossa NEWSLETTER
Receba diariamente um resumo de nossas principais notícias no seu email.
-->